Header Ads

>

Fabiana desabafa sobre a Copa Brasil de vôlei: "Não vale nada"





Fabiana protesta contra irregularidades da CBV (Foto:  Lucas Dantas/Sesi-SP Divulgação)

Fabiana vibrava muito a cada ponto que marcava na vitória do Sesi-SP sobre o Minas, nesta sexta-feira. A central, bicampeã olímpica com a seleção brasileira, buscava motivação para anotar 14 pontos e ser a maior pontuadora da partida, mesmo que para ela a Copa Brasil de vôlei deste ano não tenha muito valor. A competição que no ano passado garantiu as paulistanas no Sul-Americano de Clubes desta vez não classificará ninguém para o evento. A CBV (Confederação Brasileira de Voleibol) ainda não divulgou, mas o Rio de Janeiro, atual campeão da Superliga, e o Osasco, que será sede do evento, serão os representantes brasileiros na competição. Atual campeão continental, o Sesi se vê fora do Sul-Americano.

- É complicado. Sou sincera. Estamos jogando a Copa Brasil por jogar, porque não vamos nos classificar para nada. O Osasco e o Rio já estão classificados para o Sul-Americano. Então jogamos por nada. Não posso deixar de falar. Acho que isso me deixa um pouco triste, me deixa um pouco chateada. Nós como atletas temos de fazer o nosso melhor, nossa função. Mas isso de jogar dois campeonatos juntos é ruim, mas ao mesmo tempo é bom, porque dá mais oportunidade às outras equipes. A única coisa chata é que estamos jogando e não vale nada - disse Fabiana.

A CBV perguntou às equipes sobre o interesse de sediar o Sul-Americano. O Sesi abriu mão, e o Osasco levou pelo segundo ano consecutivo o direito de jogar em casa. Agora, apenas uma manobra nos bastidores para incluir o atual campeão pode levar as paulistanas à competição.

Mesmo sem ter pelo que brigar na Copa Brasil, o Sesi se prepara para lutar pelo título nas finais em Cuiabá. O time de Fabiana encara o rival Osasco na semifinal da sexta-feira, às 22h (de Brasília) - o SporTV transmite ao vivo. Antes, porém, a equipe viaja para São Luis para encarar o Maranhão, na terça, às 20h15, pela Superliga.

- É um momento que tem de estar bem de cabeça e fisicamente. Sabemos que não teremos muito tempo para malhar, para treinar. Já vai ter de viajar, sair de um lugar e ir para o outro. Temos de cuidar da nossa mente, do nosso físico, porque já sabemos como vai ser. Estamos jogando com o Osasco há mais tempo, porque é também de São Paulo. Sabemos que são sempre jogos fortes. Temos que nos preparar bastante, porque é onde tem a seleção brasileira inteira, onde tem grandes jogadoras. Esperamos uma grande partida - disse Fabiana.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.