Header Ads

>

Cirurgia de Giba é realizada com sucesso






O ponteiro da seleção brasileira e da Cimed/SKY, Giba, passou por cirurgia na tíbia, nesta SEGUNDA-FEIRA (13.02), no Rio de Janeiro, e, após cerca de duas horas de duração, o procedimento foi concluído com sucesso. Giba sofria com dores na canela esquerda há aproximadamente cinco meses e a decisão de operar neste momento foi tomada em função do tempo necessário para a recuperação do atleta antes dos Jogos Olímpicos de Londres, em junho deste ano.

Giba foi operado pelo médico da seleção brasileira, Ney Pecegueiro, que afirma que tudo correu como planejado. "A cirurgia foi um sucesso e tudo aconteceu como esperávamos", afirmou Pecegueiro, explicando o que foi feito durante a cirurgia.

"Colocamos uma haste de titânio por dentro do osso. Essa haste é presa com parafusos e ela imobiliza o osso por dentro. Isso faz com que a fratura consolide e propicia que possamos acelerar um pouquinho a volta aos treinamentos. Quer dizer, não precisamos esperar colar totalmente para começar a se preparar, pois como está fixado com essa haste, nos dá a liberdade de cada vez ir intensificando os treinamentos mesmo antes da fratura colar totalmente", explica Ney.

A haste mencionada pelo médico tem o tamanho do osso inteiro. "Ela entra por cima do joelho e vai até o tornozelo. Fixa o osso de cima até embaixo. Com isso, a tíbia fica 100%, a fratura consolida e a gente espera que, desta forma, o problema esteja resolvido", diz Ney Pecegueiro.

A previsão de retorno do capitão da seleção brasileira aos treinos é de dois meses. Ney Pecegueiro ainda calcula um prazo de três para que Giba esteja liberado para jogar. Antes disso, o jogador passará por um processo de recuperação.

"Ele deve ficar de duas a três semanas com o auxílio de muletas, com carga parcial, ou seja, pisando com um pouco do peso e, em torno de três semanas, fazemos novos controles de radiografia. Conforme for, já passamos a intensificar o trabalho", detalha Ney Pecegueiro.

Neste período de cirurgia e recuperação, a Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), através do presidente Ary Graça, oferecerá todo o apoio que o atleta necessitar.

Tenha as melhores ofertas do Magazine Luiza: clique aqui!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.