Header Ads

>

Gabi destaca boa campanha do Mackenzie e busca afirmação







Marcos Vieira/EM/D.A Press

A boa campanha do Mackenzie nesta Superliga Feminina, eliminado no terceiro duelo das quartas de final pelo Rio de Janeiro, mostrou um time de futuro, com jovens jogadores que poderão se transformar em gratas surpresas do voleibol nacional. Uma delas é a ponteira Gabi, de apenas 17 anos, que aproveitou a chance para se firmar como destaque da equipe mineira.

Gabi, que está no grupo profissional desde a temporada passada, na época com apenas 16 anos, sempre foi tratada como uma aposta do clube de BH. Ela ganhou chance com a contusão da ponteira Priscila Daroit, que sofreu uma lesão no joelho e só voltou a jogar na reta final do segundo turno. Com isso, o Mackenzie recorreu à jovem atleta, que mostrou serviço e correspondeu dentro de quadra.

Em evidência por causa das boas atuação, especialmente no primeiro jogo das quartas de final, na vitória do Mackenzie sobre o Rio de Janeiro por 3 a 2, em BH, quando foi eleita a melhor em quadra, Gabi destacou a boa campanha da equipe na Superliga. "Terminou para a gente, mas fizemos um bom trabalho. Ninguém esperava que a gente conseguisse ganhar um jogo do Rio de Janeiro, e estamos de parabéns pelo trabalho que apresentamos", frisou.

Modesta, com o pensamento voltado para a formação completa como profissional, ela disse que o objetivo para a próxima temporada é permanecer no Mackenzie, para ajudar o clube em mais uma edição da Superliga. "Estou muito feliz pela oportunidade que tive, eu não esperava jogar uma Superliga com 17 anos. Quero ajudar o time e continuar como titular no próximo ano", projetou a revelação das quadras mineiras, que arrancou elogios de colegas famosas, entre elas a oposto Sheilla, do Rio e que também começou no Mackenzie. Tenha as melhores ofertas do Magazine Luiza: clique aqui!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.