Header Ads

>

Juciely justifica choro em Osasco: 'Foi um desabafo. Sou mulher'






No início do terceiro set da partida entre Osasco e Rio de Janeiro, que valia a liderança da fase de classificação da Superliga Feminina, uma cena chamou a atenção. Com dois sets a zero no placar, a equipe carioca estava pressionada. Precisava pelo menos igualar o jogo em sets para manter o primeiro lugar na tabela. A meio de rede Juciely sentiu a pressão e, ao ser substituída pela líbero Fabi e encontrar suas companheiras no banco, desabou em lágrimas.

- Aquilo foi um desabafo. Nós, atletas, não gostamos de errar. Dá uma agonia muito grande errar uma coisa que a gente faz todos os dias. Ali foi um erro meu e saí, aí chorei com as meninas. Sou uma mulher - justificou Juciely após a partida.

Jucielly chora depois de erro contra o Osasco (Foto: João Gabriel Rodrigues/Globoesporte.com)

Depois do choro, porém, Juciely cresceu em quadra. E o aumento do seu rendimento foi decisivo para a recuperação das comandadas de Bernardinho na partida. Ela foi a maior pontuadora do quarto set, com seis pontos, terminando o jogo com 20 pontos anotados. De quebra, ajudou o Rio, que perdia por dois sets a zero, a igualar o jogo, vendendo caro a derrota na última e decisiva parcial. Mas o revés não impediu que o Rio de Janeiro deixasse a liderança para o Osasco.

- Quando saí chorando, as meninas vieram e me acalmaram. Disseram que para a gente reagir, que precisavam de mim. Aí você tem que buscar força de algum lugar, motivação, para continuar. A gente queria ganhar, mas manter a liderança já foi importante - finalizou Juciely.


Tenha as melhores ofertas do Magazine Luiza: clique aqui!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.