Header Ads

>

Vivo/Minas fecha série contra o Medley/Campinas e pega o RJX na semifinal






Campinas e Minas fizeram campanhas quase idênticas na primeira fase da Superliga Masculina - o time paulista ficou à frente apenas no saldo de sets. Esperava-se um duelo mais equilibrado, com a vaga para as semifinais decidida em três jogos, mas a equipe mineira tratou de eliminar o adversário sem dar chances para o azar. Na noite desta quinta, na Arena JK, em Belo Horizonte, os donos da casa venceram por 3 sets a 1 (30/28, 25/22, 20/25 e 25/19), fecharam a série em 2 a 0 e agora entrentam o Rio de Janeiro por uma vaga na grande decisão. As datas dos jogos ainda serão divulgadas pela CBV.

Na primeira partida, fora de casa, triunfo por 3 a 2. E se o Minas se classificou sem amargar uma derrota, também encontrou jogo duro diante da sua torcida. O duelo foi apertado no primeiro set, lá e cá no segundo, difícil no terceiro... Mas liderado por Henrique, Marcelinho e Lucarelli, o time mineiro desta vez não precisou do tie-break para depois comemorar.

vôlei comemoração Minas  (Foto: Alexandre Arruda / CBV)

Estrela de Filip

O equilíbrio foi a tônica do primeiro set, com as duas equipes preferindo não arriscar muito no saque. Assim, foram trocando pontos até o primeiro tempo técnico, com o placar mostrando 8 a 7 para o Minas. Marcelinho acionava Lucarelli e Maurício a todo o momento, e o Campinas respondia com Rodriguinho procurando Rivaldo e Gustavão. O jogo permaneceu parelho, e a diferença de um ponto chegou à segunda parada, mas desta vez a favor da equipe paulista: 16 a 15.

O Campinas abriu três pontos de frente depois que o Minas abalou-se com um erro de Quiroga. O técnico Horácio Dileo parou o jogo, e o time voltou com força para se aproveitar dos erros do Campinas, tirando a diferença e deixando o placar em 22 a 22. Num fim de set emocionante, brilhou a estrela do oposto tcheco Filip Rejlek, que aproveitou dois contra-ataques para fechar em 30 a 28 para os anfitriões.

Erros campineiros

O Minas aproveitou o embalo do primeiro set e voltou animado para o segundo. Lucarelli foi o destaque, com excelente aproveitamento de ataque, e a equipe chegou à primeira parada vencendo por 8 a 6. O Campinas tentou reagir no jogo, mas até mesmo como Rivaldo e Purificação, que não costumam errar, estavam numa noite complicada.

No segundo tempo técnico, o Minas tinha 16 a 14 a favor, graças a uma boa sequência de Jurquin no saque. O panorama da reta final não se alterou. O Campinas continuou com problemas na recepção e na defesa, e o inspirado time do Minas conduziu o set a com tranquilidade até fechar em 25 a 22, num erro de saque de Purificação.

Reação do Campinas

Os melhores momentos do Campinas nos dois primeiros sets aconteceram quando o cubano Jurquin estava no saque. Foi assim também no começo do terceiro, e os paulistas abriram 5 a 0 logo de cara. O Minas acordou, teve uma pequena reação, mas o time visitante foi para o primeiro tempo técnico com 8 a 5 de vantagem.

A reação do Minas chegou a reagir, chegando a 10 a 10 num ace de Henrique, mas uma nova sequência de Jurquin no saque, porém, colocou o Campinas novamente à frente. O Campinas repetiu a diferença de três pontos no segundo tempo ao fazer 16 a 13.

O time paulista passou a errar menos, o que obrigou Horácio Dileo a mexer no Minas, colocando Thiago e Evandro em quadra, fazendo a inversão do 5-1. Mas não adiantou. O adversario Campinas o alto nível e fechou o set em 25 a 20.

Para fechar o jogo

O início do quarto set lembrou o do primeiro, com os dois times trocando pontos num jogo muito equilibrado. No entanto, Minas e Campinas começaram a forçar os saques, e os paulistas foram para o tempo técnico liderando o placar: 8 a 7. Uma excelente sequência de Henrique no saque colocou o Minas de novo à frente, e depois foi a vez de Marcelinho marcar mais três pontos em seu serviço, ampliando a vantagem para 16 a 12.

A torcida do Minas, que lotou o ginásio da Rua da Bahia, se empolgou, e o time foi no embalo. O Campinas tentou a derradeira reação na partida, mas os anfitriões estavam impecáveis no saque e fecharam o set em 25 a 19, vencendo o jogo 3 a 1. O Minas agora encara o Rio de Janeiro, dono da melhor campanha da fase de classificação e um dos grandes favoritos ao título.

Tenha as melhores ofertas do Magazine Luiza: clique aqui!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.