Header Ads

>

Aos 14 anos, fenômeno cubano no Mundial de vôlei já tem 1,92 m






Vôlei Mundial Cuba Melissa Vargas
 
Cuba deixou de ser uma potência no vôlei feminino: na estreia no Mundial da Itália, por exemplo, foi batida, com facilidade, em três sets, pela apenas mediana Bélgica. A esperança de dias melhores está nas mãos de uma menina de apenas 14 anos, que parece mesmo um fenômeno, a ponto de virar figura fácil no "Granma", o jornal oficial do Partido Comunista Cubano e onde o líder Fidel Castro expressa muitas de suas ideias.
Melissa Vargas, a atacante que nasceu em 1999 e que já jogava pela seleção principal com 13 anos, já foi destaque na estreia do Mundial, quando marcou 14 pontos. Segundo a organização da competição, disputada na Itália, ela tem 1,84 m, o que já seria muito para alguém com sua idade.
Mas, segundo os órgão oficiais de comunicação de Cuba, como o "Granma", ela já tem 1,92 m. E recebe a pressão de levantar a seleção que já foi a maior força do vôlei.
Na mídia oficial do país caribenho, seu apelido de "Máquina anotada" é com exaustão, assim como a força da sua "direita proibida". No ano passado, ela já foi eleita a melhor jogadora de vôlei de Cuba.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.