Header Ads

>

CBV volta atrás e Superliga terá final em jogo único




Foto da not?cia

A Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) lançou nesta terça-feira, em São Paulo, a edição 2014/2015 das Superligas Masculina e Feminina. Diferente do que havia anunciado a própria CBV, acatando pedido dos clubes, a final masculina não será em melhor de três jogos, mas em partida única, como tem acontecido nos últimos anos.

Há pouco mais de um mês, durante reunião plenária das equipes da Superliga, foi decidido que a final aconteceria em três jogos. De acordo com os clubes, a CBV voltou atrás depois de consultar a Rede Globo, detentora dos direitos de transmissão, que só teria garantido a exibição de um eventual terceiro jogo.

Por isso, a CBV optou por manter o formato com final em jogo único, no Estado do time de melhor campanha. No feminino, os próprios clubes já haviam optado por manter o formato. No ano passado, Unilever (Rio) e Cruzeiro (Minas) faturaram os títulos, respectivamente no feminino e no masculino.

A Superliga Masculina terá a participação de 12 times, porque o Voleisul/Paquetá Esportes, de Novo Hamburgo (RS), ficou com a vaga que havia sido aberta pela desistência do Volta Redonda (RJ), que não teve condições financeira de disputar a competição.

São cinco times de São Paulo (Sesi, Brasil Kirin, São Bernardo, Taubaté/Funvic e São José dos Campos), quatro de Minas (UFJF, Minas Tênis Clube, Cruzeiro e Montes Claros), além de dois do Rio Grande do Sul (Canoas e Voleisul) e um do Paraná (Maringá).

No feminino, 13 equipes, com um time do Nordeste (Maranhão) e um do Centro-Oeste (Brasília) quebrando a rotina do eixo Sul/Sudeste. Atual campeão, o Unilever é o único time do Rio. São Paulo tem seis representantes: Sesi, Molico/Nestlé, Pinheiros, São Caetano, São Bernardo, Uniara (Araraguara) e São José dos Campos. Minas tem dois times: Dentil/Praia Clube (Uberlândia) e Camponesa/Minas Tênis Clube. O Rio do Sul/Equibrasil, de Santa Catarina, é o único representante do Sul do País.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.