Header Ads

>

Após novo capítulo do 'Dossiê Vôlei', Murilo e Bruninho detonam cartolas






Murilo Treino Seleção Brasileira Vôlei 08/08/2014
Após a publicação exclusiva pelo ESPN.com.br do relatório final da Controladoria Geral da União realizado a partir do "Dossiê Vôlei" da ESPN, o ponta Murilo, do Sesi e da seleção brasileira, voltou a detonar os dirigentes do vôlei nacional.
Ele cobrou que os cartolas apareçam para dar explicações sobre os escândalos, sem o uso de comunicados oficiais ou notas via assessoria.
"Por favor, não me venham com nota oficial pra comentar sobre a matéria. É hora de dar as caras e se explicar!", disparou o atleta, em seu Twitter.
Após tuitar uma série de trechos da matéria, que mostra que a auditoria da CGU confirma as denúncias publicadas pela ESPN, e também acrescenta uma série de outras irregularidades encontradas na CBV (Confederação Brasileira de Vôlei), Murilo mostrou-se estarrecido.
"Esses últimos tweets eu retirei da matéria da ESPN sobre o relatório do CGU, e é de entristecer qualquer um que faz esporte no Brasil!", lamentou.
"O pior é fingirem que esta tudo bem! Ou que nada aconteceu!", completou.
As reclamações de Murilo foram endossadas pelo central Gustavo, irmão do jogador do Sesi, que atua pelo Canoas. Ambos fazem parte do movimento "Unidos pelo Voleibol", que cobra mudanças na CBV e melhoras na Superliga, principal competição da modalidade no país.
Outro que se manifestou no Twitter foi Bruninho: "Nós não vamos nos calar!", prometeu o jogador da seleção brasileira.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.