Header Ads

>

Minas vence o São Caetano fora de casa e se reabilita







Desde a chegada de Jaqueline, o Minas entrou em um grande momento na Superliga, com cinco vitórias consecutivas. Sequência quebrada na última rodada, com tropeço em casa contra o Brasília. Porém, o time do técnico Marcos Queiroga não se deixou abater e já voltou a vencer no campeonato nesta segunda-feira, contra o São Caetano, no ginásio Lauro Gomes, no ABC paulista - 3 sets a 1, parciais de 25/21, 25/15, 19/25 e 25/19.

Eficiente na recepção e no passe e implacável no ataque (14 pontos anotados), Jaqueline foi eleita a melhor em quadra. Carla, que colocou 15 bolas no chão e Mari Paraíba, com 12 pontos, também se foram bem na equipe do Minas. Do lado do São Caetano, destaque para Sabrina, que marcou 17 pontos - maior pontuadora da partida.

- É muito treinamento. Tenho uma função importante, de dar volume no jogo e o tenho feito o que posso para ajudar. Faz apenas um mês que comecei a treinar e é difícil estar no auge da forma física. Mas estou me esforçando bastante para contribuir o máximo possível. Nossa equipe ainda tem muito a evoluir. Temos algumas jogadoras novas, como a Naiane (levantadora), que tem apenas 20 anos, nossa líbero tem 19, e elas sofrem um pouco nos momentos de dificuldade. Mas estamos aqui para ajudar - avaliou Jaque.

O jogo também foi marcado por mais um protesto de atletas contra as denúncias de corrupção na CBV. Lideradas pelas experientes Walewska e Jaqueline, as atletas do Minas entraram em quadra com faixas pretas nas mangas. Na última semana, as jogadoras de Sesi-SP e Osasco fizeram ato semelhante. Na Superliga masculina, jogadores de Taubaté e Canoas entraram em quadra com narizes de palhaço.

Em busca de recuperação após a derrota em casa para o Brasília na última rodada, o Minas começou melhor a partida e rapidamente abriu vantagem com boa participação de Jaque na defesa e Mari Paraíba e Carol Gattaz eficientes no ataque. As visitantes chegaram à primeira parada técnica vencendo por 8 a 4. Bem nos contra-ataques, a equipe mineira continuou superior e ampliou a vantagem para 16 a 10. Após a segunda parada técnica, o São Caetano esboçou uma reação e conseguiu cortar a desvantagem para apenas dois pontos na reta final do set com um ace de Mara: 23 a 21 para o Minas. Porém, as visitantes marcaram dois pontos seguidos na sequência e fecharam a parcial em bola pelo meio de Carol Gattaz: 25 a 21.

O segundo set começou como o primeiro: com o Minas na frente, com bons ataques de Jaqueline e Walewska. Porém, o São Caetano reagiu e conseguiu passar à frente pela primeira vez na partida: 9 a 8 após ataque de Thaisinha. Mas o Minas não se abateu e voltou à liderança pouco depois com Mari Paraíba: 13 a 12. Daí para frente, foi um domínio total do time visitante, que conseguiu, inclusive, uma sequência de dez pontos consecutivos em passagem de Carla pelo saque. Sem grandes dificuldades, o Minas fechou a parcial em 25 a 15.

A lavada no set anterior pareceu ter acordado o São Caetano, que começou a terceira parcial com tudo, abrindo 7 a 1 no placar rapidamente. Com atuação consistente de Thaisinha, as donas da casa continuaram dominantes e seguiram ampliando a vantagem: 13 a 5 depois de boa largadinha da camisa 1 de São Caetano. Após estar perdendo por 20 a 10, o Minas, que teve Ju Nogueira no lugar de Mari Paraíba, ainda tentou voltar no jogo e diminuiu a diferença para apenas quatro pontos, mas a equipe paulista não bobeou no fim e fechou o set em 25 a 19 com forte ataque de Sabrina pela ponta: 2 a 1 no placar geral.

Focadas em evitar o tie-break, as jogadoras do Minas voltaram melhor para o quarto set e abriram 8 a 2 com boa passagem de Walewska pelo saque. Com Jaque e Carla implacáveis no ataque, a equipe mineira continuou melhor e chegou à segunda parada técnica vencendo por 16 a 8. Apesar do apoio da torcida, o São Caetano não teve mais poder de reação e o Minas fechou em 25 a 19, 3 sets a 1 na partida.

Com a vitória por 3 sets a 1, o Minas chegou aos 19 pontos e retomou a sexta colocação perdida na rodada anterior para o Brasília. Já o São Caetano ficou estacionando na oitava posição, com 15 pontos conquistados.

Após confronto desta desta segunda, as duas equipes entram em recesso para as festas de fim de ano e só voltam a atuar na Superliga em 2015. O próximo jogo do São Caetano será no dia 6 de janeiro, contra o Araraquara, novamente em casa. Já o Minas entra em quadra no dia 13 de janeiro, para enfrentar o Praia Clube, em Belo Horizonte.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.