Header Ads

>

Nariz de palhaço e erros: Superliga tem ato contra Ary Graça




Foto: Matheus Beck/Vôlei Canoas / Divulgação<br>

A Superliga Masculina registrou neste sábado seu primeiro protesto de jogadores, descontentes com os escândalos na Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) durante a gestão do atual presidente da FIVB, Ary Graça.

Neste sábado, os atletas do Vôlei Canoas e do Taubaté entraram em quadra pela 11ª rodada do primeiro turno com narizes de palhaço. Além disso, os times erraram seus primeiros saques no jogo de propósito. A partida aconteceu em Canoas, no Rio Grande do Sul, e terminou com triunfo por 3 a 0 dos visitantes.

O protesto, além de ser exibido pela emissora de TV a cabo Sportv, também ganhou espaço na internet. O Vôlei Canoas reproduziu em seu perfil oficial no Twitter a ação dos jogadores.

O Vôlei Canoas é a equipe na qual atua o central Gustavo, ex-jogador da Seleção Brasileira e presidente da Comissão de Atletas da Superliga. Nos últimos dias, ele foi um dos atletas mais críticos diante das denúncias feitas pela Controladoria-Geral da União (CGU) em relação à gestão da CBV. Gustavo chegou inclusive a cogitar uma paralisação da Superliga Masculina.

Além do protesto, chamou a atenção também o fato de as placas de publicidade ao lado da quadra ainda exibirem a marca do Banco do Brasil. O banco, patrocinador de longa data da CBV, suspendeu a parceria com a confederação após as denúncias de irregularidades na confederação.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.