Header Ads

>

Praia Clube encerra o ano com vitória sobre o Maranhão




Praia Clube x Maranhão - Superliga Feminina 2014 (Foto: Assessoria/Praia Clube)

O Praia Clube encerrou o ano de 2014 com vitória na Superliga Feminina. O time de Uberlândia recebeu o Maranhão, neste domingo, em Uberlândia, e cumpriu com o prometido ao vencer por 3 sets a 0, com parciais de 25/16, 25/ 23 e 25/17. Foi uma partida em que a levantadora Karine Guerra variou bastante as bolas, fato que estava sendo trabalhado em virtude da sobrecarga na atacante Tandara. O troféu Viva Vôlei ficou com a central Natália, que fez 12 pontos, sendo dois de bloqueio e 10 de ataque. A equipe de Uberlândia, assim como no jogo com o São José, mostrou uma variação maior de ataque. Natasha fez 13 pontos, e Tandara ficou com 16.

Praia e Maranhão voltam a jogar pela Superliga apenas em 2015. A equipe mineira enfrenta no dia 6 de janeiro, o Rio do Sul, em Uberlândia. O Maranhão também joga no mesmo dia com o Osasco.

Assim como o jogo diante do São José, o Praia veio codificado. Webester ganhou a vaga de oposta que estava sendo exercida por Jú Costa ou Tandara. A maior pontuadora da Superliga foi mantida, e no início de jogo com o Maranhão, destaque para o bloqueio praiano, que amorteceu principalmente os ataques de Nikolle. O Praia não teve dificuldade no set. Karine Guerra conseguiu utilizar bem todas as armas de ataque, e a defesa mostrou eficiência. A vantagem praiana só ia aumentando e chegou a ser de nove pontos, o que deu tranquilidade para o time confirmar a vitória parcial por 25 a 16. Tandara, com cinco pontos, e a central Natasha, com três, foram as principais pontuadoras do Praia. Larissa do Maranhão era a principal atacante. A atleta foi bastante utilizada pela levantadora Ana Maria.

O segundo set começou de maneira equilibrada. Ambos os times apresentavam propostas semelhantes, que deixaram o início da etapa igual. No Maranhão, a capitã Nikolle continuou sendo bastante acionada. No Praia, a norte-americana Webester teve um início promissor nos nove primeiros pontos, colocando duas bola de ataque no chão e outra de bloqueio.
A melhora significativa do Maranhão estava ligada à recepção. Liderando a linha de passe, as líberos Fernandinha e Fê Oliveira conseguiram dar mais equilíbrio ao jogo. Isso só foi alterado quando o Praia encaixou bons saques e dificultou o trabalho de Ana Maria. Mesmo assim, o time da casa fez 2 a 0 com o placar apertado de 25 a 23.

Praia Clube x Maranhão - Superliga Feminina 2014 (Foto: Gullit Castro)

Assim como no segundo set, o jogo começou bastante equilibrado. A diferença é que o Praia demorou menos tempo para abrir uma pequena vantagem e definir o jogo. A partir do décimo ponto, houve a melhora do Praia, que teve bom bloqueio e potência no ataque e fechou o set em 25 a 17.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.