Header Ads

>

Fofão mira título inédito da Copa Brasil





MONTAGEM - Fofão Rio de Janeiro e Dani Lins Sesi (Foto: Fábio Leme )

Com 30 anos de carreira, a paulista Hélia Souza, a Fofão, pode se orgulhar de ter conquistado a maioria dos principais títulos do vôlei mundial, incluindo o ouro nas Olimpíadas de Pequim, em 2008. Mas a levantadora de 44 anos e 1,76m ainda não pode contabilizar a Copa Brasil no extenso currículo. E um dos momentos mais dramáticos já vividos por ela nas quadras aconteceu justamente na última edição da competição.

No ano passado, Fofão teve uma lesão na panturrilha esquerda durante a semifinal contra o Sesi-SP, que acabou eliminando o Rio de Janeiro da competição. Em 2015, ano que marcará sua aposentadoria das quadras, a jogadora finalmente terá mais uma chance de conquistar o inédito título, que será definido na próxima semana em Cuiabá (MT). Na semifinal, a equipe do técnico Bernardinho encara o Pinheiros.

- Lembrei do dia em que me lesionei na Copa Brasil do ano passado. Foi um dos meus piores dias no esporte. Aquela lesão atrapalhou todo meu planejamento na temporada passada, mas ainda bem que o esporte nos proporciona oportunidades de tentar novamente. Sempre entramos para vencer nas competições e não será diferente. Seria ótimo levar esse título no meu último ano de carreira, pois ainda não o tenho e adicionaria à minha carreira - ressalta Fofão.

Nesta sexta-feira, a levantadora foi um dos destaques da vitória contra o São Caetano, que garantiu a passagem do Rio de Janeiro para a semifinal. Antes de enfrentar o Pinheiros, a equipe comandada por Bernardinho vai até São José dos Campos (SP) para encarar o time da casa, em jogo válido pela Superliga 2014/15. Na principal competição do vôlei nacional, o Rio de Janeiro é líder invicto, com 12 vitórias.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.