Header Ads

>

Molico Osasco bate peruanas e vai à semi sem perder sets no Sul-Americano




Osasco X San Martin - Sul-Americano de vôlei (Foto: Luiz Pires/Fotojump)

Depois de passear nos dois primeiros jogos do Sul-Americano, o Osasco encarou um jogo acirrado nesta sexta-feira. As peruanas do San Martin de Porres deram muito trabalho às anfitriãs, mas não foram capaz de parar Thaísa, Mari & Cia. Puxado pelo potente ataque da cubana Carcaces, o time da casa venceu por 3 sets a 0 - parciais 25/23, 25/22 e 25/17 - para ir à semifinal na primeira colocação do Grupo A.

Osasco estava esperando um duelo acirrado nesta sexta-feira, já que o San Martin de Porres também não tinham perdido sequer um set na competição. E as peruanas fizeram jus à expectativa. Lideradas pela ponteira Frias, as visitantes engrossaram para as anfitriãs no primeiro set e chegaram a ir ao primeiro tempo técnico em vantagem (8/7). Só que o Osasco contava com a potência dos ataques de Carcaces. A cubana cravava as bolas na quadra peruana e só não deu uma vitória tranquila às donas da casa porque elas abusaram nos erros - foram nove pontos cedidos em falhas. Em um dos erros, Thaísa reclamou muito de não ter cometido o toque na rede e acabou punida com o cartão amarelo. No entanto, logo na sequência, Carcaces encaixou seu sexto ataque para fechar a parcial em 25 a 23.

Os erros voltaram a minar o Osasco no início do segundo set. Foram cinco falhas apenas antes do primeiro tempo técnico, permitindo o crescimento das peruanas (8/5). Só que o Osasco não tardou a voltar ao rumo. A forte chuva que caia em Osasco começou a revelar goteiras no ginásio José Liberatti, mas a água era rapidamente contida por funcionários do Osasco e não chegou a atrapalhar o andamento da partida. Sem escorregar, as anfitriãs levaram o set em 25 a 22 em mais um ataque da cubana Carcaces.

Diferentemente das outras parciais, o Osasco começou com tudo o terceiro set, armando um forte paredão. Thaísa e Adenízia comandaram o bloqueio das anfitriãs e abriram vantagem. As peruanas não jogaram a toalha, mas não conseguiram alcançar o Osasco, que fechou o jogo em um ataque no meio da rede de Thaísa: 25 a 17.

O Osasco deu mais um passo em busca do penta do continental. Com a vitória, o Osasco fechou a primeira fase na liderança do Grupo A, sem perder sequer um set na primeira fase. As anfitriãs encaram as argentinas do Villa Dora na semifinal deste sábado, às 14h (de Brasília).

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.