Header Ads

>

Sada Cruzeiro retorna aos trabalhos de olho no Mundial






Depois de tricampeonato da Superliga, Pouco mais de dois meses depois de faturar o tricampeonato da Superliga, o elenco do Cruzeiro se apresentou no Ginásio do Barro Preto, em Belo Horizonte, na manhã desta segunda-feira, para dar início às atividades da temporada 2015/16. O primeiro compromisso da equipe será o Campeonato Mineiro, em setembro, mas o técnico Marcelo Mendez não esconde que o principal objetivo é o Mundial de Clubes, em outubro. Em 2013, o Cruzeiro se tornou o primeiro time brasileiro a levantar o caneco. Agora, busca o bicampeonato.

"Estamos iniciando esta preparação aqui com um grupo muito importante. Precisamos que estes atletas cheguem bem para o Mundial, que é um dos principais objetivos da temporada", destacou o treinador, que chega à sétima temporada no comando do time mineiro.

Mendez conta com um elenco reduzido, uma vez que boa parte do grupo está em compromisso com a Seleção Brasileira - tanto na principal, disputando a Liga Mundial, como são os casos de Wallace, William, Isac e Éder e o canadense Winters, quanto nas categorias de base, com os ponteiros Rodriguinho e Guilherme; o central Rômulo e o levantador Fernando Cachopa, que integraram a Seleção Sub-21 no título da Copa Pan-Americana da categoria, conquistada no domingo.

Os únicos a comparecerem ao CT nesta segunda-feira foram o ponteiro Filipe, o líbero Serginho e os centrais Pedrão e Éder Levi. O ponteiro cubano Leal deve se reunir ao grupo na próxima semana.

"Os mais experientes chegam motivados porque sabem o que é ganhar e querem continuar ganhando. E os mais novos querem mostrar serviço. Essa combinação de experiência e juventude é muito importante e, ano após ano, nós tentamos seguir isso aqui no Sada Cruzeiro", avaliou Mendez.

A equipe vai manter a base que faturou o tricampeonato sobre o Sesi-SP, em abril. Assim como o treinador, o oposto Wallace vai para sua sétima temporada consecutiva na Raposa, enquanto o levantador William, o líbero Serginho e o ponteiro Filipe caminham para a sexta. A diretoria ainda pretende firmar o Cruzeiro como formador de atletas e investe nas categorias de base para manter a qualidade do grupo.

Jovens atletas que disputaram a Superliga B, como o oposto Alan, os ponteiros Rodriginho e Leozinho, o central Éder Levi e o líbero Vanderson, vão integrar o elenco. Já Cachopa, levantador mais jovem da última Superliga, seguirá formando dupla com William, assim como os centrais Éder e Isac. O central Pedrão retorna de empréstimo ao Montes Claros.

Além disso, a direção do clube preparou uma surpresa para a reapresentação dos jogadores. O CT do Barro Preto recebeu uma decoração alusiva aos recentes títulos da equipe e os uniformes passarão a ser confeccionados pela Penalty, responsável pelas camisas do time de futebol. Tudo isso para enaltecer o recente passado vitorioso e relembrar o crescimento do clube.

"É muito interessante ver como o time foi crescendo, resultado de um trabalho importante da direção do clube, e em quadra nós sempre tentamos fazemos o nosso melhor. Nos últimos anos o time veio a conquistar tudo e os desafios continuam grandes", analisou o técnico, ecoado pelo líbero Serginho.

"A gente tem muito orgulho do que passou, das glórias que alcançamos, até porque a nossa vida mudou bastante. Nós disputamos campeonatos importantes, jogamos o Mundial, e fomos o primeiro time da América a conquistar o título. Agora, além do nosso nome estar na história, temos que pensar no que vamos fazer no futuro", completou o atleta.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.