Header Ads

>

Brasil encara França pela estreia na fase final




Brasil encara França pela estréia na fase final da Liga Mundial de Vôlei


Agora é pra valer! Após terminar a fase classificatória liderando o grupo A, disputando 12 partidas, saindo com a vitória em nove delas, o Brasil bate de frente contra a França pela fase final da Liga Mundial de Vôlei, nesta quarta-feira (15), às 14h. A equipe do técnico Bernardinho iniciou a competição, automáticamente classificada para as decisões do torneio, que acontecem até o próximo dia 19, no Maracanãzinho, justamente por ser a seleção anfitriã da Liga. Os brasileiros enfrentaram a Sérvia, Itália e Austrália na fase de grupos, e em grande parte da competição, o elenco foi treinado pelo auxiliar Rubinho, que substituiu Bernardinho, para o titular cumprir suspensão imposta pela Federação Internacional de Vôlei (FIVB).

A fase de grupos não valeu para o Brasil em questão de classificação, porém, a comissão técnica verde e amarela, aproveitou as partidas para testar jogadores em diversas posições, e definir quem seguiria com a seleção para a atual fase do torneio. O líbero Felipe, juntamente com o levantador Raphael, foram cortados da lista de Bernardinho, mesma situação do oposto Leandro Visotto, porém, com o corte do central Riad para a competição após sofrer lesão, Visotto voltou a fazer parte do grupo de jogadores que irão defender o Brasil em busca do décimo título na Liga Mundial.

Dúvidas rondam a cabeça do técnico Bernardinho para escolher titulares

O corte do central Riad para o restante da competição, pegou todos de surpresa, em Saquarema/RJ, onde a equipe se concentra e treina para a disputa da fase final da Liga Mundial de Vôlei. Para suprir o desfalque, Bernardinho reintegrou o oposto Leandro Vissoto ao elenco que irá em busca do decacampeonato mundial, porém, mesmo com a equipe competa, o treinador ainda tem dúvidas para montar a equipe titular que entra em quadra logo mais, para enfrentar a França. Isso porque além de Riad, o oposto Wallace também sente dores e está fora da partida desta quarta-feira (15), porém, segue com o restante do grupo.

"Treinamentos com um bom nível durante toda a semana passada, em Saquarema, mas, agora, temos um percalço. Há uma dúvida em relação ao Wallace, que vem sentindo um pouco as costas e ainda não sabemos se poderá jogar contra a França. Se for o caso, é uma perda de peso, mas trouxemos o Vissotto de volta para compor os 14 do grupo. O Riad também teve uma pequena lesão no joelho e está fora", afirmou Bernardinho.

Nos testes realizados durante a fase de grupos da Liga Mundial, um nome chamou a atenção da comissão técnica, e da torcida brasileira: Evandro. O oposto foi destaque em todas as partida em que atuou de titular, mostrando um poder ofensivo muito grande em quadra, e pela ótima performance apresentada, deverá herdar a vaga de Wallace para a partida de hoje.

Após conquistar a segunda divisão da Liga Mundial, França chega embalada ao Maracanãzinho

Os franceses conquistaram no último sábado (11), a segunda divisão da Liga Mundial de Vôlei em cima da Bulgária, por 3 sets a 0. Com o resultado, a França manteve a invencibilidade de 12 partidas, e encara os donos da casa, no Maracanãzinho, para tentar aumentar este número e seguir em busca do título. A conquista da segunda divisão, possibilitou que a equipe tenha o direito de entrar na próxima competição, já na elite.

Um dos temores do técnico da seleção brasileira, Bernardinho, chama-se Ngapeth. O jogador é o destaque da seleção francesa, juntamente com Rouzier: "Não há prognósticos. A França, nosso adversário da estreia, tem um jogador talentosíssimo, o Ngapeth, e um time muito consistente, com volume de defesa impressionante", avaliou Bernardinho.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.