Header Ads

>

Minas vence Nestle Osasco com Carol Gattaz jogando demais




 

Acostumado a enfileirar vitórias na Superliga feminina, o Osasco somou nesta terça-feira mais um tropeço na edição 2015/16, enquanto o Minas venceu fora de casa, dessa vez por 3 sets a 1 (25/20, 25/22, 21/25 e 25/16). O resultado colocou o time mineiro na terceira colocação da classificação, com 17 pontos, ultrapassando justamente o adversário paulista, que caiu para a quarta posição com 16 pontos. A capitã do Minas, Carol Gattaz, foi eleita a melhor jogadora na quadra do ginásio José Liberatti, pela oitava rodada do primeiro turno da competição.

Osasco x Superliga Superliga (Foto: João Pires/Fotojump)  

Capitã do Osasco, a central Thaisa tentou avaliar o desempenho da equipe paulista na noite desta terça e pediu recuperação imediata já na próxima rodada.

- Começamos mal, errando demais. Reagimos no terceiro set, mas no quarto deixamos o jogo escapar tomando vários pontos por desatenção. Continuamos falhando como nas duas primeiras parciais e paramos de pensar. Isso não pode acontecer pelo nível de time que temos. Precisamos retomar e apresentar alguma coisa diferente na sexta-feira diante do Sesi. Já falamos em reação no jogo anterior e só conseguimos no terceiro set.

O jogo

O Osasco entrou em quadra desligado e somando erros, e assim o Minas chegou à primeira parada técnica com 8/3 no placar. Um bloqueio de Adenízia e três pontos seguidos de Thaisa reduziram a diferença para 15/13. Mas logo novos erros aconteceram do lado do time paulista e, com algumas trocas de pontos, as visitantes fecharam o set em 25/20.

O segundo set parecia repetição do início da partida. Apático e desconcentrado, o Osasco continuou atrás no placar. O Minas chegou a abrir 16/6, numa bela atuação de Carol Gattaz. A entrada de Diana no lugar de Dani Lins deu novo ânimo ao time que, aos poucos, começava a se acertar. Mas a reação veio tarde e o Minas fechou em 25/22.

Osasco Minas Superliga (Foto: João Pires/Fotojump)

No terceiro set, a esperada reação do Osasco chegou. Comandado pela capitã Thaisa, que marcou cinco dos 10 pontos do seu time no empate em 10/10 àquela altura do set, as donas da casa abriram boa vantagem com 17/11, suficiente para administrar a vitória na parcial, que terminou com 25/21.

Depois de um ótimo terceiro set, o Osasco voltou a mostrar inconsistência em quadra e largou atrás no placar. Quando perdia por 16/13, já via a partida ir embora. O Minas se aproveitou e acumulou os pontos que precisava para fechar em 25/16 o set e a partida em 3 sets a 1.

O Osasco volta a jogar na próxima sexta-feira, às 19h, quando enfrenta o Sesi-SP no ginásio da Vila Leopoldina. O Minas volta para casa, onde recebe no mesmo dia, às 21h30, o Rio de Janeiro.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.