Header Ads

>

Rexona AdeS bate Sesi-SP por 3 a 0 e segue na liderança




Rio de Janeiro Sesi-SP Superliga feminina (Foto: Marcio Rodrigues/MPIX)

Foi daqueles jogos em que o placar não reflete o equilíbrio do jogo, mas que no fim mostra o time que teve mais poder de definir a vitória. Em casa, no ginásio do Tijuca, o Rio de Janeiro superou o Sesi-SP por 3 sets a 0 na noite desta terça-feira, parciais de 27/25, 26/24 e 27/25, e se mantém de forma isolada na liderança da Superliga feminina de vôlei 2015/16. Com a derrota, a equipe paulista caiu para a nona colocação restando apenas uma rodada para o fim do primeiro turno.

A ponteira Jaqueline, do Sesi-SP e da seleção brasileira, e a meio de rede Juciely, do Rio de Janeiro, foram as maiores pontuadoras em quadra, com 17 pontos cada uma. Já quem levou o troféu Viva Vôlei de melhor em quadra foi a ponteira Natália, do time carioca.

- Nossa equipe fez uma boa partida, mas apresentou uma instabilidade em alguns momentos. Foi importante vencer o jogo de hoje para manter o primeiro lugar na tabela. Temos mais um jogo difícil na semana e é trabalhar para não oscilar tanto - disse Natália. 

A partida começou com as duas equipes em dificuldade na recepção. Melhor no contra-ataque, o Sesi chegou à primeira técnica com 8/7. Os times trocaram pontos até um bloqueio em Jaqueline abrir a primeira vantagem para o Rio de Janeiro (14/12), que chegou ao segundo tempo técnico com 16/14. Efetivo nos contra-ataques, a equipe carioca abriu 20/15 e mais tarde fechou a parcial em 27/25. 

O segundo set chegou à primeira parada da mesma forma, com o Sesi em vantagem por 8/5, e a mesma diferença se manteve na segunda parada técnica: 16/13. Mas, com três ataques de Juciely, o Rio de Janeiro empatou o jogo. Com Gabi, o time carioca virou o placar em 23/22, mas o Sesi se recuperou e chegou ao set point. Mas, numa virada emocionante, as donas da casa protagonizaram nova virada e fecharam em 26-24.

No último set, o Sesi começou novamente na frente e abriu 4/1, mas três aces da meio de rede Carol e um ataque para fora de Jaqueline colocaram o Rio de Janeiro na frente. Embalada, a equipe carioca abriu cinco pontos com 13/7, mas o Sesi reagiu com uma boa sequência de saque e chegou ao segundo tempo técnico na frente, por 16/15. A equipe paulista chegou a abrir três pontos (16/19), mas novamente não conseguiu sustentar a ponta no placar. Em mais uma parcial apertada, o Rio de Janeiro fechou o set em 27/25 e garantiu mais uma vitória na Superliga

Sesi-SP: Fabiana, Ellen, Andreia, Jaqueline, Pri Heldes, Bia e a líbero Suelen. Entraram Carol Leite, Sabrina, Dayse e Angélica.

Rio de Janeiro: Gabi, Court, Juciely, Natália, Monique, Carol e a líbero Fabi. Entraram Drussyla, Roberta e Lorenne.

O Rio de Janeiro, comandado por Bernardinho, joga na sexta-feira o aguardado clássico com o Osasco, às 21h, na casa do adversário, com transmissão do SporTV, na rodada que fecha o primeiro turno. A equipe da Vila volta para casa e recebe o Vôlei Bauru no sábado, às 18h.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.