Header Ads

>

Em jogão, Rexona AdeS derruba invencibilidade caseira do Rio do Sul




Rio do Sul x Rio de Janeiro, Superliga feminina (Foto: Clóvis Eduardo Cuco/Rio do Sul)

Duas invencibilidades foram colocadas à prova em Santa Catarina nesta sexta-feira. O Rio do Sul não queria perder diante de seus torcedores pela primeira vez nesta edição da Superliga feminina. O Rio de Janeiro não conhecia o sabor da derrota há 11 partidas. Com bastante intensidade de ambas as equipes, quem se deu melhor no ginásio Artenir Werner foi a equipe visitante. O Rio de Janeiro precisou suar demais para derrubar a invencibilidade caseira do time catarinense e conquistou a 12ª vitória seguida, por 3 sets a 2, parciais de 22/25, 25/11, 23/25, 25/20 e 17/15.

O Rio do Sul vinha de vitória sobre o Osasco em Lages (SC) e esteve muito perto de derrotar outro gigante do vôlei nacional. O último ponto gerou reclamação do lado catarinense. Natália e Giovana dividiram na rede e a bola caiu fora da quadra do Rio do Sul. As jogadoras do time da casa reclamaram que a bola havia tocado por último na ponteira adversária, mas a arbitragem confirmou a vitória carioca.

Esse foi apenas o segundo compromisso do Rio de Janeiro em 2016, após a parada da Superliga para as festas de fim de ano. O segundo duelo contra o Bauru, válido pela segunda rodada do returno, foi adiado para o dia 26 de janeiro e por isso a equipe comandada pelo técnico Bernardinho só voltou a jogar na última segunda-feira, na vitória por 3 a 0 sobre o São Bernardo.

Antes de encarar o Bauru, as atuais tricampeãs recebem o São Caetano na próxima terça-feira, às 19h30 (de Brasília), no ginásio do Tijuca. O Rio do Sul visita o Bauru no dia seguinte, no mesmo horário, no Panela de Pressão.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.