Header Ads

>

Giombini substituirá Toth no vôlei de praia após exclusão por doping





Laura Giamboni representará a Itália na Olimpíada (Getty Images)

A Federação Italiana de Vôlei (FIPAV) informou nesta quinta-feira que Laura Giombini substituirá nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro Viktoria Orsi Toth, punida na quarta-feira (03 de agosto) por testar positivo em um exame antidoping.
Giombini competirá no torneio olímpico de Vôlei de Praia formando dupla com Marta Menegatti.
A confirmação da exclusão do torneio da ítalo-húngara Toth, após um exame de sangue detectar a presença do esteroide anabolizante Clostebol, obrigou a FIPAV a encontrar uma substituta de última hora.
Giombini, de 27 anos, era a única jogadora que tinha os requisitos necessários para ser inscrita nos Jogos Olímpicos, já que era indispensável contar com um mínimo de 12 torneios disputados entre 1 de janeiro de 2015 e 13 de junho deste ano.
A princípio, a Federação Italiana pensou em apostar pela ítalo-americana Rebecca Perry mas, ao perceber que só tinha disputado sete torneios desde o começo do ano, escolheu Giombini.
A jogadora viajou ao Rio de Janeiro no início desta quinta-feira e realizará o primeiro treino no Brasil durante a tarde, na praia de Copacabana.
Toth é a quarta atleta italiana que recebe uma sanção por doping antes do começo da Olimpíada, após as exclusões do canoísta Niccoló Mornati, do atleta Jamel Chatbi e da especialista de vela Roberta Caputo.
Além disso, o esporte italiano espera com ansiedade a decisão da Corte Arbitral do Esporte (CAS), que se reunirá em 8 de agosto no Rio para analisar a situação do atleta da Marcha Atlética Alex Schwazer, que também testou positivo em um exame antidoping em 1º de janeiro.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.