Header Ads

>

Bruno diz que emoção de Serginho gerou virada na Rio 2016'






O levantador Bruninho é o Bola da Vez desta semana. No programa que vai ao ar às 21h30 (de Brasília) desta terça-feira na ESPN Brasil, o jogador contou como a emoção de Serginho gerou a virada que acabou com o ouro na Rio 2016.

O jogador lembrou das dificuldades no início da campanha olímpica e falou do momento chave para a virada. "Foi a França (na última partida da fase de grupos). Tivemos uma reunião entre os jogadores, e o Serginho se emocionou, falou que seria a última dele, que a gente tinha que se superar", contou.

Se o Brasil perdesse dos franceses, acabaria eliminado ainda na fase de grupos. 'Seria um fracasso enorme passar vexame em casa", relembrou.

Depois da superação com o ouro no Rio de Janeiro, Bruninho também falou que se sentiu traído com a ameaça de Ary Graça, presidente da FIVB (Federação Internacional de Vôlei), que também entregou as medalhas na última Olimpíada. O cartola ameaçou entrar com um processo contra o levantador após Bruninho fazer críticas no Twitter. "Me senti traído com tudo isso. A gente sempre fez tudo para o vôlei, e aí a gente vê os escândalos. Onde há fumaça, há fogo", afirmou o jogador. "Pra gente, nunca faltou nada, mas o vôlei é muito mais que a seleção. Me decepcionou muito. Muitas vezes, a perseguição aconteceu após as minhas posições e as do meu pai", acrescentou.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.