Header Ads

>

Giovane Gávio assume a seleção brasileira sub 21 de vôlei




Giovane Gávio é o treinador da seleção sub 21 de vôlei masculino

Bicampeão olímpico de vôlei - Barcelona 1992 e Atenas 2004 - também campeão mundial - Argentina 2002 - com direito ao ponto do título, Giovane Gávio é o novo treinador da seleção brasileira masculina sub 21. Nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, o ex-jogador foi gerente de competições da modalidade no evento.

Agora, ele tem pela frente o desafio de passar às novas gerações do vôlei a importância de defender as cores do Brasil. "Recebi o convite da CBV com uma alegria muito grande, é uma honra poder ter a oportunidade de voltar à seleção brasileira. Este é um ambiente em que fui muito feliz e alcancei muitas conquistas, mas agora tenho uma responsabilidade de contribuir. Um dos maiores aprendizados que tive dentro da seleção brasileira foi aprender a servir. E a sensação agora é essa, estou aqui para servir, compartilhar um pouco da minha história com eles", disse Giovane.

A primeira grande competição do comandante será o Sul-Americano da categoria, a ser realizado em Bariloche, na Argentina. Além do título, estarão em jogo a hegemonia continental e uma vaga no Mundial da República Tcheca em 2017. No entanto, Giovane parece tranquilo para enfrentar os desafios de manter a bandeira brasileira no topo do pódio e inspirar os jovens atletas.

"Acho que a maior contribuição que eu posso dar é inspirar, encorajá-los a trabalhar, buscar o melhor deles, entender o que isto representa, o quanto essa camisa é importante. Eles precisam entender isso desde novos. É uma responsabilidade vestir a camisa da seleção brasileira de vôlei. Existe muita dedicação e amor a isso, acima de tudo uma responsabilidade de dar continuidade do legado das outras gerações", comentou o treinador.

"De certa forma existe uma vontade maior de ouvir, de querer conquistar. Estou muito contente com isso. O time está muito imbuído de trabalhar, buscar novos conhecimentos. Temos uma comissão técnica muito bacana, a gente divide as experiências, é um grande aprendizado. Estou chegando cheio de entusiasmo", finalizou Giovane Gávio.

Preparação já começou

A preparação para o Sul-Americano já começou forte, a equipe treina há pouco mais de dois meses no Centro de Desenvolvimento (CDV), em Saquarema (RJ), ainda sem Giovane. O grupo, que hoje conta com 16 atletas, tem na comissão técnica o assistente técnico Neri Tambeiro, o auxiliar técnico Vinícius Gomes, o Alegrete, o estatístico Leandro Dutra, o preparador físico Lucas Muller, o médico Felipe Serrão, o fisioterapeuta Alexandre Herculano e o supervisor Leo Pasquali.

Nesta semana a equipe de base do vôlei está no Rio de Janeiro para um quadrangular amistoso com Botafogo, SESC e Bolívar (ARG). Na partida inicial contra a equipe argentina, os brasileiros perderam por 3 a 0 (22/25, 22/25 e 13/25). Todos os jogos acontecem no ginásio Oscar Zelaya, na sede de General Severiano do alvinegro carioca.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.