Header Ads

>

Sada Cruzeiro e Minas decidem Campeonato Mineiro de vôlei. De novo!




 Hegemônico, o Sada Cruzeiro vai em busca do oitavo título no Campeonato Mineiro; o sétimo consecutivo
 

Os times mais tradicionais chegaram à decisão do Campeonato Mineiro de Vôlei. Nesta terça-feira (4), Sada/Cruzeiro, atual hexacampeão, e Minas Tênis Clube, considerado a segunda força do estado, superaram JF Vôlei e Montes Claros Vôlei, respectivamente, e garantiram vaga na grande final da competição masculina.

No Ginásio Riachão, em Contagem, na região metropolitana da capital, o time cruzeirense não teve muito trabalho para superar o rival da Zona da Mata. Invicto no Estadual, o time comandado pelo argentino Marcelo Méndez venceu por 3 a 0 e está, mais uma vez, na briga pelo título. As parciais foram de 25 a 16, 25 a 17 e 25 a 21.

Cabe lembrar que a Raposa, que busca o heptacampeonato, levanta o caneco desde 2010. Caso seja campeã novamente, a equipe celeste acumulará oito títulos na sua história. Em 2008, o time deu a primeira volta olímpica. No ano seguinte, o Montes Claros foi quem ficou com a taça.

"Estamos felizes por estarmos em mais uma final. Enfrentamos hoje um time jovem e o respeito foi a parte primordial. Fizemos um jogo difícil na primeira semifinal contra a equipe de Juiz de Fora, com um 3 a 2, e hoje foi importante entrarmos muito focados, concentrados", observa o líbero Serginho.

"É claro que não podemos pensar no Mundial antes de concretizar o Mineiro. E por mais que o nosso grupo seja mais forte, que o investimento seja maior, a gente sabe da importância e da responsabilidade que a gente tem de ganhar esse campeonato", diz Serginho, lembrando que o Sada/Cruzeiro disputa o Mundial de Clubes, em Betim, de 18 a 23 de outubro.

Jogaço em Montes Claros

No Norte de Minas, a equipe comandada por Nery Tambeiro não teve nehuma facilidade para derrotar os donos da casa, campeões em 2009. Forte dentro de seus domínios, o Montes Claros, apesar da derrota por 3 a 2, parciais de 24/26, 19/25, 25/21, 25/22 e 13/15, fez o time minastenista suar a camisa.

Após estar perdendo por 2 a 0, o segundo melhor da primeira fase mostrou sua força, empatou o jogo e quase surpreendeu no tie-break. Num jogo disputado ponto a ponto, prevaleceu a frieza do time da capital.

Reconhecendo o esforço dos atletas em quadra, porém, a torcida do Montes Claros fez sua parte e aplaudiu o time, mesmo com a derrota e a consequente eliminação no Mineiro.

Decisão

O confronto entre Cruzeiro e Minas já tem data e horário marcados para acontecer. Na próxima sexta-feira (7), as duas equipes duelam, mais uma vez numa decisão (a sétima desde 2010) e brigam pelo caneco mais cobiçado do estado. A partida será às 20h, no Riachão, casa dos cruzeirenses.

No último confronto entre os finalistas, realizado no último dia de setembro, o Sada levou a melhor e venceu por 3 a 0, parciais de 25/15, 25/22 e 25/21. Com o triunfo, a Raposa finalizou a fase classificatória com a melhor campanha e a liderança isolada, somando 17 pontos.

Melhor time do campeonato, o Cruzeiro acumula sete vitórias consecutivas. "Octa-vice", o Minas tenta quebrar esta sequência para acabar com a hegemonia estrelada.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.