Header Ads

>

Sada Cruzeiro supera o Minas e é hepta no Mineiro




 Maior experiência do grupo celeste acabou fazendo a diferença na decisão
 

Teve casa cheia, com direito a muitos cantos típicos dos gramados. Teve também belos lances e muita vontade dos dois lados da quadra. No fim, prevaleceu a maior experiência do Cruzeiro, que levantou seu sétimo título de campeão mineiro masculino de vôlei, ao vencer o Minas por 3 a 0 (25/19, 25/18 e 25/20), no Poliesportivo do Riacho, em Contagem. A equipe do técnico Marcelo Méndez mostrou estar afiada para os próximos desafios, que incluem o tricampeonato mundial interclubes e o penta da Superliga.

Como admitiu o próprio técnico celeste, o volume de jogo ainda esteve longe do ideal, considerando as mudanças no grupo e o fato de que o levantador William e o oposto Evandro estavam com a Seleção Brasileira campeã olímpica e se juntaram aos companheiros mais tarde. Mas se o Minas mostrou raça e valorizou o confronto, pesou a experiência de jogadores como o próprio "Mago", perfeito nas distribuições de bolas; e dos cubanos Leal e Simón.

Se a força do ponteiro não é uma novidade, o central mostrou porque é um dos mais completos do mundo em sua posição, esbanjando eficiência nos ataques, bloqueios e no saque – alternava bombas com bolas colocadas, dificultando o trabalho da recepção. Um ponto de Evandro encerrou a partida, em pouco mais de uma hora e 20 minutos.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.