Header Ads

>

Sesi vence Brasil Kirin no Golden Set e está na final do Paulista







O Sesi-SP entrou em quadra como grande favorito, sofreu, perdeu a partida, mas não a vaga e conseguiu o seu objetivo no Golden Set, ganhando por 25 a 22, nesta quinta-feira à noite. Além de contar com o apoio da torcida no ginásio da Vila Leopoldina, em São Paulo, o time tinha a seu lado os medalhistas olímpicos Murilo, Serginho, Lucão e Bruninho, e a equipe paulistana se classificou para a decisão do Campeonato Paulista pela oitava vez seguida.

O Campinas, do campeão olímpico Maurício Souza, conseguiu uma virada espetacular e venceu o segundo duelo da série semifinal no tie-break, por 3 a 2, com parciais de 20/25, 15/25, 25/20, 25/19 e 15/12. Como o Sesi tinha ganhado o primeiro duelo, a decisão foi para o set desempate, e o favoritismo do time da casa finalmente foi confirmado, com grande atuação de Murilo. 

Precisando vencer para levar a decisão da vaga para o Golden Set - parcial extra de 25 pontos -, o Campinas começou melhor na partida, liderado por Diogo. Só que Murilo puxou a reação do Sesi, variando entre golpes potentes e ataques explorando o bloqueio. Bruninho distribuiu bem as jogadas na reta final, e o time anfitrião venceu por 25 a 20.

Na segunda parcial, o Sesi passeou. Desde o começo não deu chances ao time visitante. O técnico Marcos Pacheco até pôde rodar o time, que levou o set com tranquilidade: 25 a 15.

Parecia que o Sesi chegaria com facilidade a sua oitava final seguida do Paulista, mas o Campinas não jogou a toalha, pelo contrário. O time cresceu e comandou o placar do terceiro set. O campeão olímpico Maurício Souza fechou em 25 a 20.

Com fôlego renovado, o Campinas passou a acreditar na virada no jogo e na classificação em um Golden Set. O time visitante manteve o embalo do terceiro set e abriu rapidamente sete pontos de vantagem (14 a 7). O capitão Murilo mais uma vez puxou uma reação. O Campinas chegou a se descontrolar depois de um erro de arbitragem, e o técnico tomou um cartão vermelho, que dá um ponto para o adversário. Só que o time campineiro voltou ao trilho com bom saque e conseguiu empatar a partida: 25 a 19.

No tie-break, o Campinas abriu vantagem desde o início, e o Sesi teve dificuldades para se encontrar em quadra. Apesar da boa atuação de Murilo, a equipe visitante soube administrar bem a diferença que conseguiu criar, fechou o set em 15 a 12 e a partida em 3 a 2, em uma grande virada.

No Golden Set, a equipe paulistana conseguiu colocar a cabeça no lugar e errou menos. Murilo seguiu colocando as bolas no chão, o bloqueio funcionou, e o Sesi mostrou poder de ração ao confirmar sua condição de favorito e vencer por 25 a 22, garantindo a vaga na final do Paulista.


Depois de perder as duas últimas decisões para o Taubaté, o Sesi pode reencontrar o rival na final deste ano. O atual bicampeão estadual encara o Atibaia ainda nesta quinta, às 21h30, em busca da segunda vaga na decisão. O Sesi, que venceu as duas partidas da semi contra o Campinas, vai tentar o penta em sua oitava final seguida.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.