Header Ads

>

Bauru vence São Caetano e se garante nas quartas











































Se for para se inscrever na história do esporte local, que o seja com uma vitória fora de casa. Foi assim que o Genter Vôlei Bauru venceu o duelo dessa terça-feira (14) à noite contra o São Caetano, em São Caetano do Sul, pela sexta rodada do returno da Superliga. Além de se reabilitar da desastrosa e inesperada derrota diante do Fluminense, vencendo as caetanenses por 3 sets a 1 (parciais de 13/25, 25/21, 19/25 e 23/25), o time bauruense carimbou, com cinco rodadas de antecedência, a vaga inédita nas quartas de final do Nacional. Será a estreia da equipe local nos playoffs da principal competição do voleibol brasileiro, apesar de estar na elite da modalidade apenas pelo segundo ano consecutivo.

Com o resultado, o Genter Vôlei Bauru chega aos 31 pontos e não pode mais ser alcançado pelo próprio São Caetano, atual nono colocado com 14 pontos. As quartas de final da Superliga, terão, além do time bauruense, os também já garantidos Rexona-Sesc, Praia Clube, Vôlei Nestlé e Brasília. A etapa reunirá os oito melhores times da fase classificatória. O próximo compromisso do Genter Vôlei Bauru na Superliga será já nesta sexta-feira, diante do Pinheiros, às 21h30, no Ginásio Panela de Pressão. A diretoria espera comparecimento em massa do bauruense, para festejar a inédita classificação antecipada.

O JOGO

O Genter Vôlei Bauru iniciou o jogo contra o São Caetano com Juma, Angélica, Valquiria, Priscila Rivera, Bruna Honório, Mari Cassemiro e Brenda. No primeiro set, após início bastante equilibrado, São Caetano chegou a abrir 7 a 4, mas o Genter Vôlei Bauru reagiu e logo passou a dominar a parcial após o placar apontar 9 a 9. A partir do décimo ponto, o time bauruense conseguiu abrir boa vantagem e fechou o set em 25 a 13 com contra-ataque de Mari Cassemiro após 20 minutos.

No segundo set, o panorama foi parecido, mas o time bauruense sofreu com um "apagão". O início foi equilibrado até o São Caetano chegar a 12 a 8 no placar. O Genter Vôlei Bauru conseguiu grande reação, virando o placar e chegando a abrir 20 a 14. A partir daí a equipe bauruense "parou" e permitiu São Caetano fazer 9 pontos consecutivos, passando à frente em 23 a 20. O rival, então, aproveitou o melhor momento na parcial e fechou o set em 25 a 21 em 30 minutos. A oscilação preocupou, já que há "reincidência" de desconcentração ocorrida em outras partidas.

Mas, no terceiro set, o time bauruense resolveu acabar com essa história de "dar sopa pro azar", como havia acontecido há poucos dias na derrota para o Fluminense no Rio de Janeiro. O time começou melhor e abriu vantagem de seis pontos ao fazer 15 a 9. A partir daí, o São Caetano reagiu, diminuiu a vantagem e reequilibrou a parcial. No entanto, na reta final do set, o Genter Vôlei Bauru foi mais eficiente e voltou a conseguir vantagem de seis pontos, fechando em 25 a 19, em 26 minutos.

]No quarto e último set, o Genter Vôlei Bauru começou arrasador e abriu 11 a 3. Entretanto, o São Caetano aos poucos foi se reecontrando na parcial e diminuindo a diferença para apenas um ponto. Na reta final, com o placar em 24 a 19 favorável ao Genter Vôlei Bauru, as caetanenses chegaram a encostar em 24 a 23. De novo, o perigo da oscilação frequentou o jogo. Mas, desta vez, o time bauruense não permitiu a virada no placar e se manteve à frente, vencendo em 25 a 23 e confirmando a classificação inédita aos playoffs da Superliga.

INGRESSOS

A venda de ingressos para o duelo de sexta-feira (17), contra o Pinheiros, às 21h30, no Ginásio Panela de Pressão, pela sétima rodada do returno da Superliga, já está sendo realizada.

Eles podem ser adquiridos na sede da Concilig, na Avenida Getúlio Vargas, 3-03, das 10h às 18h. No dia do jogo, a partir das 20h, a venda será realizada na bilheteria do Ginásio Panela de Pressão, caso ainda existam ingressos disponíveis. Os valores promocionais, em que todos pagam meia, são de R$ 15,00 (arquibancadas) e R$ 30,00 (cadeiras).

Destaques

As maiores pontuadoras da partida foram as bauruenses Bruna Honório, com 20 pontos, e Priscila Rivera, com 19, que ainda ganhou o Troféu Viva Vôlei como o destaque do jogo. Para o técnico do Genter Vôlei Bauru, Marcos Kwiek, a vitória foi importante, principalmente por ter sido conquistada fora de casa contra um rival que cresceu de produção no returno. No entanto, ele ainda considera que o time precisa evoluir. O técnico apontou exatamente a oscilação como algo a ser corrigido.

"A equipe ainda oscilou bem, mas tivemos bons momentos e melhoramos algumas coisas. São Caetano jogou como franco-atirador e sacando muito, mas conseguimos resistir e hoje demos um passo à frente. Temos de continuar crescendo no campeonato. Agora é respirar, fazer um bom jogo contra Pinheiros e continuarmos nessa ascensão para podermos almejar situações melhores nos próximos jogos", destacou Kwiek. Já a capitã do time, a central Angélica, ressaltou a melhora na produção da equipe e considerou que a classificação inédita às quartas demonstra o bom trabalho.

"A equipe se comportou melhor e conseguirmos evitar erros, principalmente em finais de set, mas ainda vacilamos em alguns momentos. Mas creio que vamos voltar em uma crescente. Além de ser uma cobrança do Marcos (Kwiek), também era uma autocobrança nossa, porque sabemos da qualidade da nossa equipe. A derrota para o Fluminense pesou muito para nós, mas vamos remar e recuperar os pontos que perdemos no Rio em outras partidas. Já a classificação vem para coroar o trabalho que tem sido feito desde o início da temporada e continuaremos nos esforçando para alçarmos voos ainda mais altos", frisou a atleta.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.