Header Ads

Rexona Sesc vence Boca Juniors na estreia do Sul-Americano




Rio de Janeiro, Boca Juniors, Sul-Americano, Uberaba (Foto: Neto Talmeli)

A camisa do Boca Juniors tem o histórico de passar susto em times brasileiro. Mas no futebol. No vôlei feminino nada de dar chances para o fantasma argentino. Com uma partida consistente desde o início, o Rio de Janeiro confirmou o favoritismo no Campeonato Sul-Americano feminino na noite desta quarta-feira, em Uberaba, Minas Gerais, e venceu o Boca por 3 sets a 0, parciais de 25/17, 25/8 e 25/8. Nem o apagão no início da partida que paralisou o jogo em 10 minutos tirou o ritmo do Rio de Janeiro que anotou os primeiros três pontos pelo Grupo B da competição que tenta conquistar pela quarta vez.

Micaela Fabiani, do Boca Juniors foi a maior pontuadora com 10 pontos. Drussyla Costa e Gabi, com sete pontos, foram a principais pontuadoras do time brasileiro. O Rio de Janeiro volta a quadra na quinta-feira. As brasileiras reeditam a final do último Sul-Americano contra as peruanas do San Martin, às 19h, no Centro Olímpico em Uberaba. O Boca Juniors também enfrenta o San Martin, no Centro Olímpico, mas nesta quarta-feira.

Ataque na diagonal, paralela, bloqueio, meio de rede... seja qual for o fundamento, o Rio de Janeiro dominava o time argentino e abriu 7 a 0 logo de início. O Boca Juniors reagiu quando Cossar foi para o saque, diminuiu para 7 a 3, quando os refletores do ginásio Centro Olímpico, apagaram. Segundo a organização, um gerador deu problema e parte da energia ficou comprometida. Foram 10 minutos de espera e quando a energia voltou, o Rio de Janeiro voltou dominando o jogo. As brasileiras diminuíram o ritmo, o Boca cresceu no jogo, mas não o suficiente para complicar para o Rio que fechou o set em 25 a 17 com ataque da ponteira Anne.

O Rio de Janeiro continuava sobrando. Apesar de ter diminuído o ritmo, Anne e  Gabi não poupavam braço e atacava forte para cima das argentinas. O Boca Juniors tentava parar as brasileiras no bloqueio, mas errava muito, principalmente na recepção. Com Juciely no saque, o time de Bernardinho abriu 19 a 6. O saque do Rio continuava dificultando o ataque de Cossar e o time brasileiro fechou com facilidade: 25 a 8.

Nem com o time considerado titular no banco, o Rio de Janeiro perdeu a intensidade e abriu 14 a 5 no terceiro set. Com o mesmo saque forte e ataques letais, as brasileiras fecharam o set em 25 a 8 e o jogo em 3 sets a 0 com ataque de Helô.

Campeãs argentinas vencemNo outro jogo da noite, válido pelo Grupo A, na Arena Praia , Uberlândia, o Villa Dora (ARG) venceu o Olympic (BOL) por 3 sets a 0 parciais de 25/06, 25/17 e 25/19. As bolivianas voltam a jogar nesta quarta-feira contra o Praia Clube, às 19h.
Jogos de quarta-feira
19h San Martin x Boca Juniors - Uberaba
19h30 Praia Clube x Olympic - Uberlândia

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.