Header Ads

>

Camila Brait joga final da Superliga grávida e vai ficar fora do Mundial pelo Osasco




O título da Superliga feminina de vôlei não veio neste domingo, mas um sonho de Camila Brait, enfim, vai se realizar. A líbero do Osasco, de 28 anos, está grávida de algumas semanas do marido, Caio Conca. A notícia foi confirmada logo após a derrota no tie-break diante do Rio de Janeiro na decisão do campeonato nacional. Por conta da gravidez, a jogadora não vai disputar o Mundial de clubes pela equipe paulista. O clube ainda não anunciou oficialmente, mas contratou Tássia, do Praia Clube, para suprir a ausência de Brait.
A líbero não divulgou a gravidez para não atrapalhar a preparação para a final da Superliga. Camila Brait já havia revelado os planos de ser mãe em breve. Assim, deverá ter um ano sabático na próxima temporada.
  Camila Brait não conseguiu ajudar o Osasco a ser campeão da Superliga (Foto: André Durão)

Após ser cortada antes dos Jogos do Rio, Camila Brait havia anunciado que não voltaria à seleção e que se dedicaria à família. O primeiro filho era o maior sonho da líbero.

Livre de vírus. www.avg.com.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.