Header Ads

>

Marcelinho conta como mantém a forma aos 42 anos





Marcelinho em sua apresentação no Botafogo 

Aos 42 anos, o levantador Marcelinho iniciou ontem um novo capítulo em sua vitoriosa carreira. Parado há mais de um ano, desde que deixou o Lugano, na Suíça, o jogador se apresentou ao Botafogo: a partir de agosto, será o grande nome do time na disputa da Taça Ouro, cujo vencedor ganha uma vaga na Superliga do ano que vem. Campeão mundial e prata em Pequim-2008 com a seleção brasileira, ele diz que quis voltar ao Brasil, apesar das propostas na Europa, para ficar próximo à família. E assegura que recomeçar disputando a segunda divisão do vôlei brasileiro será um prazer.
— Dá um frio na barriga muito bom. É uma responsabilidade defender as cores do Botafogo e atuar com o Mauro (Lima), treinador que é meu amigo. Sinto que é preciso fazer tudo por ele — diz Marcelinho, que é torcedor declarado do Vasco.
O levantador conta que continuou cuidando do físico enquanto esteve sem clube:
— Só não treinei muito com bola, o resto eu fiz. Participei também da "Dança dos famosos", quadro do "Domingão do "Faustão", em que precisei me manter bem fisicamente para aprender as danças. E ainda jogava vôlei de praia ocasionalmente.
A idade, porém, mudou a forma de se exercitar. Hoje, ele busca menos a quantidade e mais a qualidade:
— É claro que não vou treinar como há 20 anos. Algumas coisas eu faço mais, como musculação, para ficar forte e aguentar o impacto com a quadra. Assim, diminuo a possibilidade de lesão. Outras, faço menos: antes, treinava cerca de 50 saques por dia, hoje treino oito.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.