Header Ads

>

Três duplas brasileiras vão às quartas em Moscou





Jogadoras atuando debaixo de neve na Rússia (Foto: Divulgação/FIVB)Jogadoras atuando debaixo de neve na Rússia (Foto: Divulgação/FIVB)
As duplas que jogam a etapa de Moscou, na Rússia, do Circuito Mundial de vôlei de praia, passaram por uma situação um tanto quanto inusitada nesta sexta-feira. Algumas partidas chegaram a ser paralisadas devido à neve que caiu na região. Apesar do mau tempo, três duplas brasileiras avançaram para as quartas de final da disputa feminina. Maria Elisa/Carol Solberg, que começou a disputa no country-cota, foi a única parceria a passar da repescagem, enquanto Ágatha/Duda e Larissa/Talita confirmaram o favoritismo vencendo diretamente nas oitavas de final.
Foi justamente Maria Elisa que registrou a neve caindo do céu. Ela fez a gravação, publicada em uma rede social, entre a primeira e a segunda partidas do dia. No primeiro confronto, as brasileiras bateram Birlova/Makroguzova por 2 a 1, parciais de 21/17, 14/21 e 15/9 e se classificaram para as oitavas de final. No segundo, contra Hermannová/Slukova, da República  Tcheca, tiveram mais tranquilidade no placar: 21/12 e 22/20. Agora, a parceria terá as alemãs Bieneck e Schneider como adversárias por uma vaga nas semifinais.
- Gente, está nevando na Rússia, primeira vez que vejo nevar. Estou chocada. Snow! Gente, olha isso! Estou impressionada, nunca isso aconteceu na história do voleibol de praia - brincou Maria Elisa nas imagens.
Atletas atuando com neve caindo em Moscou (Foto: Divulgação/FIVB)

A temperatura máxima desta sexta na capital russa é de 10°C, e a mínima é de 3°C. Apesar do frio, outras duas duplas do país também conseguiram a classificação. Ágatha e Duda faturaram a vaga após superar as americanas Emily Day e Brittany Hochevar por 2 sets a 0 (23/21 e 21/16). Nas quartas, pegam as alemãs Laboureur  e Sude.
Larissa e Talita liquidaram a fatura ainda mais rapidamente. Superaram as canadenses Kristina May e Taylor Pischke também em sets diretos (21/18 e 21/17) em apenas 32 minutos. Na próxima fase vão duelar com as australianas Bawden e Clancy.
álvaro e saymon avançam no masculino
Rebecca e Ana Patrícia, que precisavam vencer para ir à repescagem, deram sorte no início do dia. Foram consideradas vitoriosas após desistência das holandesas Meppelink e Van Gestel. Na sequência, porém, caíram no tie-break diante das americanas Day e Hochevar, com parciais de 23/21, 16/21 e 15/12.
Semifinalistas na etapa do Rio, Bárbara Seixas e Fernanda Berti também foram eliminadas. Elas perderam para as finlandesas Lehtonen e Lahti por 2 sets a 1, parciais de 24/22, 21/23 e 15/12. 
No masculino, Álvaro Filho e Saymon passaram com tranquilidade, em sets diretos (21/16 e 21/11) por Kavalenka e Dziadkou, de Belarus, e avançaram para as oitavas. Evandro e André não tiveram a mesma sorte. Os dois cederam a virada para os russos Krasilnikov e Liamin e foram eliminados com um atropelo no tie-break. O jogo teve parciais de 17/21, 21/18 e 15/7.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.