Header Ads

>

Vôlei sobe audiência com jogo em Curitiba





As arquibancadas vazias da Arena da Baixada denunciavam: o horário de Brasil e Canadá, pela Liga Mundial de Vôlei, estava longe do ideal para o torcedor. A opção pela faixa da tarde tinha um motivo claro: a manutenção da partida na televisão aberta. Nesse caso, na Globo. E a audiência correspondeu.
Com um grande evento para a partida, com a transformação da Arena da Baixada para receber a partida, a Globo registrou 10 pontos de audiência com o jogo em São Paulo e 13 pontos de média no Rio de Janeiro.
Em São Paulo, o resultado foi três pontos superior em relação ao primeiro jogo transmitido em 2016 e dois pontos em relação à partida de 2015. No Rio de Janeiro, o Ibope foi mantido em relação ao do ano passado e foi um ponto superior em comparação com o de 2015.
Segundo a Confederação Brasileira de Vôlei, as arquibancadas da Arena da Baixada receberam cerca de 10 mil pessoas para assistir ao duelo entre Brasil e Canadá. O estádio ficou com capacidade para 28 mil em sua configuração de ginásio.
Cada ponto no Ibope equivale a 70,5 mil residências (ou 199,3 mil pessoas) na Grande São Paulo. No Rio de Janeiro e região metropolitana, cada ponto é igual a 44 mil residências (ou 116,9 mil telespectadores).

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.