Header Ads

>

Sesi SP vence Taubaté na semifinal da Copa Brasil





O Sesi-São Paulo venceu por 3 a 0 e decidirá o título contra o Cruzeiro
Jogando Juntos

O Taubaté Vôlei ficou fora da final da Copa Brasil, na qual buscava o terceiro título. Na noite desta quinta-feira, oscilou no rendimento e perdeu em uma das semifinais, para o Sesi, por 3 sets a 0.

A rodada única semifinal, disputada no ginásio do Sesi, na Vila Leopoldina, em São Paulo, foi aberta com o Cruzeiro vencendo o Sesi-Rio, por 3 a 1. O time mineiro ficou esperando o adversário da final de sábado, às 21h30, no mesmo local.

O segundo jogo começou com Taubaté equilibrando as ações contra os donos da casa. No entanto, veio a inesperada contusão do levantador Raphael, que sentindo dores lombares, saiu substituído por Paulo Renan.

O Sesi, do levantador Willian, deslanchou após uma igualdade de 16 a 16 e quando estava vencendo por 24 a 21, foi fechar o set em um ataque de Wallace que parou na rede. No placar, 25 a 22.

Com Paulo Renan se esforçando para levantar as bolas que seriam de Rapha, o Taubaté novamente equilibrou as ações até a metade do set, em um 11 a 11. Todavia, alternado bons e maus momentos, sentiu a eficiência do saque adversário e foi batido por 17 a 25.

Perdendo por 2 a 0, o Taubaté redobrou forças para não sair derrotado já no terceiro set. O Sesi, sabendo que não poderia deixar o rival se reabilitar e crescer, foi levando as ações equilibradas. Após um 22 a 22, os taubateanos poderiam ter fechado quando fizeram 24 a 23. Mas o Sesi virou para 25 a 24 e após outra chance com 26 a 25, comemorou o final 27 a 25 em um bom ataque de Lipe.

Agora, o Taubaté voltará a jogar no dia 3 de fevereiro, um sábado, às 21h30. Pela Superliga, visitará o Canoas.

Os times

O Taubaté, do técnico Daniel Castellani, entrou com: Raphael, Solé, Ivovic, Dante, Otávio, Wallace e Thales. Começaram no banco: Ruiz, Paulo Renan, Renan, Madalóz, Nícolas, Rafael e o líbero Matheus.

O Sesi, do técnico Rubinho, entrou com: Willian, Lucão, Lipe, Douglas Souza, Gustavão, Alan e líbero Murilo. Começaram no banco: Evandro, Aracaju, Renato, Vacari, Pureza, Franco e Piá.

A dupla de arbitragem: Rafael de Souza Lino e Eduardo da Costa Vitor.

cz_995

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.