Header Ads

>

Mireya Luis e o "Salta Chica"








Muita gente acha que a cubana Mireya Luis foi a melhor jogadora de todos os tempos. E se formos considerar os títulos, eles tem razão. Não é qualquer jogadora que é tricampeã olímpica e bicampeã mundial. Ela jogou entre 1992 e 2000 e sempre foi destaque dos jogos da seleção cubana. Seleção essa que venceu muitas vezes o Brasil com excelentes jogadoras.

Certa vez perguntada quando começou a provocação com as brasileiras, respondeu que quando o nível esportivo do Brasil foi crescendo, a capacidade da equipe, a brasileiras começaram a ver que podiam ser campeãs. Aí que cresceu a rivalidade, porque as cubanas também queríamos ganhar e as brasileiras começaram a fazer frente. Quando o Bernardinho assumiu como técnico do Brasil, ele mudou a forma de a seleção jogar, treinar. E aí passaram a acreditar que podiam ser campeãs olímpicas e mundiais.

Mireya foi a mentora de uma das frases que tirava do sério a equipe brasileira: "Salta chica!". Sempre que as cubanas bloqueavam um ataque, o deboche era certo. A frase surgiu para provocar as brasileiras. Por exemplo: as brasileiras atacavam, as cubanas bloqueavam e diziam: Salta chica, salta chica! E acabou que se transformou em uma frase popular.

Principais conquistas da Mireya:
    • Copa do Mundo, 1989, medalha de ouro (MVP, melhor atacante, Top Six)
    • Copa do Mundo, 1991, medalha de ouro (melhor atacante, Top Six)
    • Jogos Olímpicos de Barcelona, 1992, medalha de ouro (Top Six)
    • Grand Prix, 1993, medalha de ouro (MPV, melhor atacante)
    • Grand Prix, 1994, medalha de prata (melhor atacante)
    • Campeonato Mundial, 1994, medalha de ouro (melhor atacante)
    • Grand Prix, 1995, medalha de bronze
    • Copa do Mundo, 1995, medalha de ouro (MPV, melhor atacante)
    • Jogos Olímpicos de Atlanta, 1996, medalha de ouro
    • Grand Prix, 1997, medalha de prata
    • Grand Prix, 1998, medalha de bronze
    • Campeonato Mundial, 1998, medalha de ouro
    • Grand Prix, 2000, medalha de ouro
    • Jogos Olímpicos de Sydney, 2000, medalha de ouro
      Assista grandes lances da Mireya:


      Nenhum comentário

      Tecnologia do Blogger.