Header Ads

>

Em Assembleia, CBV aumenta número de atletas nas votações




Emanuel é presidente da Comissão de Atletas do Voleibol de Praia  (Divulgação/CBV)

A Assembleia Geral Ordinária da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), realizada nesta quarta-feira, em Saquarema (RJ), terminou com sentimentos distintos. Em meio a uma crise financeira, com dívida de R$ 16 milhões, a entidade aprovou suas contas referentes ao ano passado e deu maior poder aos atletas nas decisões, mas em menor medida do que era esperado.

A Comissão de Atletas queria inicialmente que dez jogadores votassem em vez dos dois então em vigor. No decorrer da Assembleia, Emanuel, que preside a Comissão de Atletas de praia, autorizou a alteração para apenas quatro, com a justificativa de que é necessário "entender o momento da CBV".
Ele comemorou a alteração e disse acreditar em mais credibilidade dos atletas daqui para frente.

– Acredito que foi uma grande vitória. Foi um passo pequeno que demos para aumentar o número de atletas na Assembleia. Hoje, aumentamos em 100%. Éramos dois, agora somos quatro. É um pequeno passo, mas já estamos questionando o próximo. Eu, André Heller e todos os atletas precisamos saber que, aos poucos, estamos trazendo mais credibilidade. Até chegarmos ao número ideal, que é de dez. Temos que entender o momento – disse Emanuel.

Outra mudança foi a alteração dos pré-requisitos para candidatura da presidência da CBV, com a possibilidade de qualquer brasileiro maior de 21 anos, desde que conte com o apoio de pelo menos seis membros da Assembleia (cinco deles devem ser Federações Estaduais), poder concorrer no pleito. Antes, o candidato precisava ter sete anos de participação em uma federação filiada.
 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.