Header Ads

>

Equipamentos para proteger o jogador de voleibol





Um dos meios de reduzir e/ou amenizar as lesões no voleibolista é através do uso de equipamentos para proteger o jogador durante a prática dessa modalidade. Contudo, até a data presente não foi escrito nenhum artigo sobre esse tema, basta o leitor verificar os estudos dessa modalidade

Os equipamentos indicados para proteger o jogador de voleibol são constituídos por material próprio para a prática do voleibol na quadra e/ou para o voleibol na areia (dupla ou quatro contra quatro).

A biomecânica do calçado estuda esse equipamento com o objetivo de oferecer um maior conforto e proporcionar um desempenho otimizado do atleta, mas se preocupa que o tênis proteja o jogador de lesões. Por exemplo, no voleibol na quadra, o jogador deve utilizar um tênis de voleibol e estando acompanhada da tornozeleira com o intuito de evitar ou amenizar o grau da entorse de tornozelo. A figura 1 ilustra essas explicações.
Figura 1. Jogadores do campeão mundial de 2013 Cruzeiro comemorando e atleta da iniciação da seleção 
brasileira passando. Em ambas fotos é possível observar a tornozeleira acompanhada do tênis de voleibol

Entretanto, apesar dessas informações, muitos voleibolistas praticam esse esporte com tênis inadequado, é muito comum observar alguns jogadores atuando na partida com tênis de corrida, já que seu uso ameniza bem o impacto após o salto. Em muitos casos, o voleibolista joga com tênis de corrida e sem tornozeleira, sendo um risco porque qualquer pisada inadequada ou queda deficiente após o salto pode ocasionar uma entorse de tornozelo. A figura 2 mostra na visão ampliada a tornozeleira e o tênis adequado para a prática do voleibol.
Figura 2. Tornozeleira do voleibol e tênis para essa modalidade

Outro equipamento que talvez possa ser útil para minimizar as lesões no voleibolista após a queda do salto ou no momento da corrida para recuperar a bola, é o uso dentro do tênis de uma palmilha de anti-impacto. Porém, esse equipamento merece ser investigado na biomecânica para determinar a sua eficácia. A figura 3 mostra essa palmilha.
Figura 3. Palmilha de anti-impacto

No voleibol na quadra o jogador merece utilizar joelheira com intuito de evitar corte no joelho ou amenizar o impacto dessa região anatômica, por exemplo, quando acontece uma defesa e o jogador bate o joelho no solo. Apesar da joelheira ser recomendada para esse esporte, alguns atletas sentem o inconveniente porque ela dificulta um pouco os movimentos de flexão e extensão do joelho e não utilizam. Isso se acentuou ainda mais nos anos 80, quando o voleibol norte-americano foi bicampeão olímpico (84 e 88), vários jogadores eram oriundos do voleibol de dupla na areia, e o melhor do mundo na quadra naquela ocasião, não jogava com joelheira. A figura 4 ilustra essas explicações.
Figura 4. Joelheira e o melhor do mundo, Kiraly, na Olimpíada de 88 sem uso desse equipamento

Um comentário:

Tecnologia do Blogger.