Header Ads

>

Brasil mostra evolução, mas sofre nova derrota para EUA






Seleção brasileira de vôlei feminino

Novamente com time titular modificado e mais competitiva, a seleção brasileira de vôlei feminino fez um jogo mais equilibrado com os Estados Unidos, na noite desta quinta-feira (16), em Uberaba, Minas Gerais. Ainda assim, foi novamente derrotada, dessa vez por 3x2 (15/25, 23/25, 25/21, 25/23 e 17/15).

O técnico José Roberto Guimarães optou por uma formação com Dani Lins, Tandara, Gabi, Rosamaria, Adenízia e Thaisa, titular pela primeira na seleção principal após o seu retorno às quadras, e Gabiru de líbero. Durante o jogo, entraram ainda Roberta e Fernanda Tomé, na inversão de 5x1, além da ponteira Amanda.

"Tenho muito que melhorar ainda, pricipalmente contra um time que joga tão rápido. Sei que posso fazer mais, mas é gradativamente. Estou me esforçando ao máximo, buscando o meu melhor, e tendo a ajuda das minhas companheiras", comentou Thaisa, em entrevista ao canal Sportv, sobre a atuação na partida.
Mais sólido e mais agressivo ofensivamente em relação aos últimos dois amistosos, o time brasileiro conseguiu abrir 2x0 no jogo. Entretanto, cometeu alguns deslizes e viu as norte-americanas crescerem e empatarem o duelo, levando a decisão para o tie-break. No set decisivo, as brasileiras começaram um pouco desligadas e permitiram que as adversárias abrissem vantagem. Ainda assim, a equipe mostrou poder de reação para não só empatar o set, como ter chances de fechar a partida. As norte-americanas, porém, foram mais precisas nos momentos de decisão e garantiram a terceira vitória na série de amistosos que as equipes vêm fazendo como preparação para o Campeonato Mundial, que tem início em setembro, no Japão. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.