Header Ads

>

Brasil perde final para Argentina e fecha o Pan com prata no vôlei




Pan-Americano: Brasil perde para Argentina e fica com a prata no vôlei

Dividida entre os atletas mais experientes, que disputaram a Liga Mundial, e uma equipe mais jovem, que foi para o Pan-Americano, a Seleção Brasileira de vôlei masculino perdeu para a Argentina por 3 sets a 2 (parciais de 25/23, 18/25, 19/25, 25/23 e 15/8) na final e ficou com a medalha de prata no último evento dos Jogos de Toronto, deixando escapar o tricampeonato.

Assim, o Brasil somou sua 15ª medalha pan-americana. A atual seleção vice-campeã olímpica já possuía quatro ouros (Guadalajara 2011, Rio de Janeiro 2007, Caracas 1983 e São Paulo 1963), além de seis pratas e quatro bronzes.

A Argentina, por sua vez, celebra muito o título por voltar a levar o ouro após 20 anos. O último título do país havia sido justamente em casa, nos Jogos Pan-Americanos de Mar del Plata, em 1995.

O jogo - Atuando com seus uniformes característicos (azul e branco contra a amarelinha) Argentina e Brasil fizeram uma partida emocionante, digna de clássico sul-americano. Liderada por Facundo Conte, a equipe porteña teve primeira parcial sólida e fechou em 25 a 23 para abrir vantagem na partida.

No segundo set, no entanto, o Brasil conseguiu encaixar seus contra-ataques para mudar a cara do jogo. Com Renan Buiatti mostrando muita eficiência na rede, a formação verde-amarela deu poucas chances para os adversários entrarem na parcial e fez 25 a 18 para igualar o marcador.

O terceiro set seguiu a mesma toada do segundo. Mais eficiente e segura de seu jogo, a jovem Seleção Brasileira conseguiu encaixar boas sequências de bola na quadra adversária para virar a partida em 29 minutos, fazendo 25 a 19 no placar.

Experiente, a seleção principal da Argentina conseguiu reverter desvantagem no placar para empatar a partida no quarto set. O Brasil liderou o marcador em toda a reta final da parcial, mas cedeu pontos em erros e viu os adversários muito bem ajustados no ataque para levar a disputa do ouro para o tie break.

A Argentina repetiu a grande atuação do quarto no último set, quando mandou no placar desde o primeiro ponto e chegou a abrir 13 a 6 no placar. Sem reação, a Seleção Brasileira ainda diminuiu a desvantagem, mas não conseguiu evitar a derrota por 15 a 8 no placar.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.